Reflexão 11 - Histórias de criança 1

Eu e os animais - os peruzinhos

Você já viu um peru filhote comer? é um espetáculo cômico...ou trágico.

Toda manhã eu fazia questão absoluta de alimentar a ninha da de peruzinhos que moravam no galpão da fazenda. Pegava a tigela, colocava leite e a ração específica para eles e...da-lhe bater até ficar bem misturada - não podia ser mole demais, nem dura demais senão eles não conseguiam comer.

Quando chegava perto da ninhada com aquela tigela, eu era literalmente atacada por um bando de criaturinhas devoradoras cheias de bicos, penas e gritos. Aí, enchia a colher de ração e segurava perto do chão...era um atropelo só! Empurrões, um passando por cima do outro...

E eles comiam, comiam, comiam - mas aí é que vem o motivo pelo qual eles não podem comer sozinhos...eles embuchavam que o biquinho ficava aberto e eu tinha de ajudar para não sufocar - ficavam literalmente entupidos! E o pior, não paravam de comer a não ser que eu os pegasse, desentupisse e os colocasse para comer de novo.

Quando acabava a porção determinada pelo número de criaturinhas, eles permaneciam gritando... pois se mais tivesse, mais comiam.

Até hoje lembro dos peruzinhos entupidos, de biquinho aberto, sacudindo a cabecinha para desentupir... e ainda os acho engraçados - desengonçados e ávidos, mas inocentes e ternos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna