Reflexão 8 - ADMINISTRANDO SEUS CORPOS

Quando se observa a luta cotidiana das pessoas em uma busca de felicidade, sucesso profissional, uma meta material ou seja lá o que for, percebe-se que, na grande parte das vezes , ao conseguirem aquilo pelo que tanto lutaram e onde supostamente está essa felicidade, sucesso, meta ou seja lá o que for, e então ter preenchido aquele vazio ou necessidade que gerou todo esse estresse, aí se deparam com o mesmo sentimento anterior de ¨falta algo ainda¨.

Bem, essa é uma longa e infrutífera busca se não for compreendida claramente a simplicidade da solução para isso; é necessário que a base para que tudo isso faça sentido seja perfeitamente assimilada. Primeiramente deve-se compreender o ser humano como ele é, composto por quatro corpos que se encontram na terra - o corpo físico, o corpo mental, o corpo emocional e o corpo espiritual. Então, essa é a base com a qual se deve preocupar, pois se o seu mental, o seu emocional e o seu espiritual juntamente com o seu corpo físico não estiverem harmoniosos entre si e em si mesmos, esse almejado encontro com a felicidade ou equilíbrio não ocorrerá.

E como se consegue atingir esse ponto? Como esse equilíbrio se processa?

Deve-se entender que cada um desses corpos contêm aspectos positivos e negativos - e agora deixe de lado as idéias de pecado ou de que se tem aspectos negativos não é uma boa pessoa ou digno de ser feliz - encare esses aspectos negativos como o que eles realmente são: possibilidade de aprendizado; de viver em um universo real, dual; de fortalecimento do positivo em você pela superação...aceitando que existem em todos, e sempre existirá, as nuances negativas de cada corpo, e que elas são partes necessárias para o crescimento integral do ser humano, esse é o começo de um caminho sólido em direção a esse crescimento.

E como lidar com esses aspectos? Só existe uma forma: administrando-os! Não por medo, ou porque a sociedade lhe cobra uma postura de ¨bonzinho¨, mas com a real consciência do que eles representam e como é importante encará-los com tranquilidade e aceitá-los - os humanos são seres duais em todos os sentidos e, graças a isso é que se pode decidir o que se quer: o positivo ou o negativo em sua vida, e obter pelo caminho que quer seguir, e segui-lo.

Os passos para chegar a isso são simples, desde que perfeitamente entendidos:

1. PERCEBER que esses aspectos positivos e negativos existem em todos os seus corpos;

2. ACEITAR que todos são assim e que sempre serão e que isso não os torna maus, mas, simplesmente, seres duais;

3. ENTENDER a importância disso na sua real finalidade: propiciar a possibilidade de aprendizado; de viver em um universo real, dual; de fortalecimento do positivo em você pela superação;

4. OPTAR, com total honestidade e lealdade a nós mesmos - que caminho quer seguir?

5. ENCARAR aquilo que queremos preservar, fortalecê-lo em todas as opções e coerentemente fazer com que ele se sobreponha ao outro aspecto;

6. COMPREENDER que o confronto entre o mesmo tipo de sentimento ou situação positiva e negativa ocorrerá muitas vezes - até que a solução se torne forte e natural e, consequentemente, sólida;

7. SEGUIR constantemente, pouco a pouco, dia após dia, em um caminho que pode ser lento mas será seguro e sólido na concretização de sua opção.

São os primeiros movimentos comuns para aprender a administrar seus corpos. Só não esqueça que a busca desse equilíbrio é constante, e não se deixe abater pelos altos e baixos, que certamente ocorrerão, mas perceba que se tornará cada vez mais fácil retornar ao ¨abençoado caminho do meio¨ e a cada vez retornará mais fortalecido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna