Reflexão 25 – Auto-aceitação

Em primeiro lugar deve-se entender que a criatura que determina o seu valor é você mesmo e não tem de dar explicações a ninguém sobre isso.

Com relação a aparência física, existem as coisas que você pode mudar e melhorar segundo sua própria opinião, mas aquelas que não podem ser mudadas passe a encará-las como atraentes, disponha-se a gostar de seu eu físico e nunca se deixe levar pelas definições de beleza determinadas pela sociedade e pela mídia enlouquecida.Você é você mesmo e não precisa corresponder a padrões estereotipados.

Não se envergonhe de suas características humanas – os seres humanos têm odores, pelos, calos...rejeitar essas coisas é rejeitar sua condição humana; não se trata de deixar de ter higiene consigo mesmo, mas de aceitar que isso faz parte de você e deve ser tratado com naturalidade. Use os cosméticos pela gratificação pessoal que isso traz e não por detestar e tentar disfarçar seu corpo.

Não se apegue a uma única auto-imagem pois você, como todo mundo, tem várias...você pode perceber sua auto-imagem positiva em várias áreas e outras que você considera negativas em tantas outras...e lembre que essas imagens negativas sempre podem ser mudadas, de dentro para fora, é claro, pois do contrário serão apenas encenações de você mesmo.

Se você não tem uma imagem positiva com relação a esporte é simplesmente porque você escolheu dedicar-se a outras coisas e não dedicou tempo necessário para desenvolver uma condição positiva nessa área... e assim é com todas as áreas, escolhas feitas até o momento em que você decide mudá-las.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna