Reflexão 28 – Exercícios de auto-amor

A prática do auto-amor começa na mente, quando você aprende a se tornar capaz de pegar em flagrante seus comportamentos auto depreciativos e combater o pensamento que o originou no ato.

Com essa consciência de sua decisão de passar a ser uma pessoa que ama a si mesma e consequentemente, amará os outros, e para isso, exercitar-se é importante.

- Escolha novas respostas sempre que alguém lhe dedique amor ou aceitação; evite se mostrar cético e aceite os elogios com um ¨obrigado¨ sincero.

- Assuma seus sentimentos diante de alguém a quem você ama de uma maneira direta e natural dizendo simplesmente ¨Amo você.¨

- Dê pequenos prazeres a você mesmo sempre que tiver a oportunidade como por exemplo pedindo o que você gosta no restaurante sem olhar o preço.

- Permita-se um pequeno descanso após um dia cansativo, um momento só para você.

- Dedique-se a algo que você goste, a uma atividade que lhe agrade e lhe devolva sua autoconfiança.

- Elimine o ciúme de sua vida pois este é sinal de auto depreciação já que demonstra claramente que você está se comparando com outra pessoa e considerando-a mais importante do que você.

- Cuide de sua saúde selecionando alimentos saudáveis, nutritivos, ande ao ar livre, aprecie a natureza.

- Explore sua sensualidade, ache-se atraente .

- Não meça o seu valor próprio pelas opiniões alheias nem em função de realizações ou ao seu desempenho em qualquer área mas reconheça o seu valor intrínseco como pessoa única e cheia de qualidades.

Estabeleça metas próprias no sentido de apaixonar-se pela maravilhosa, excitante e preciosa pessoa que você é.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna