Reflexão 29 – Psicologia das cores

As cores têm uma linguagem universal e emocional, além de visual. A natureza utiliza cores no reino animal e vegetal e mineral para comunicar perigo, alerta, para seduzir, atrair...é uma linguagem que ultrapassa fronteiras e línguas e transmite idéias que a linguagem verbal não alcançaria.

Para o homem o significado simbólico das cores são aprendidos culturalmente e essa interpretação está diretamente associada ao sentimento e a sensação que ela desperta e desde nossa primeira infância começamos a criar uma memória associativa: bebês preferem objetos coloridos, crianças pequenas são atraídas mais pela cor do que pela forma das coisas e ambos respondem mais ao vermelho e ao azul; na adolescência a cor cria um grande diferencial de identidade.

A cor é um meio de comunicação instantâneo e estimula todos os nossos sentidos e provoca reações que em sua maioria se processam de forma subliminar.

VERMELHO – é cor primária; é a cor que mais se destaca visualmente e a que o olho humano distingue mais rapidamente. Seu significado é força, energia, decisão, alegria, triunfo, fogo sangue, vida, fêmea, libido, coração, paixão, cólera, guerra, perigo, alarme, revolução. As reações a seu uso são aumento da pressão sanguínea e da freqüência cardíaca, altera o fluxo de adrenalina no sangue, causa excitação e gera energia, estimula o apetite do paladar e do consumo, identifica-se com luxo,refinamento, elegância.

ROSA – são gradações do vermelho desaturado. Seu significado é feminilidade, criança, doçura, afeto, delicadeza, romantismo, otimismo, saúde. As reações a seu uso são doçura ao paladar e ao olfato, atitudes românticas e delicadas.

AMARELO – é uma cor primária.É a mais clara e luminosa das cores, é uma cor quente. Seu significado é sol, luz, calor, energia, atividade, imaginação, desespero, impaciência. As reações são sensação de sabor doce.

VERDE - é uma cor fria. Seu significado sugere ar, água, florestas, longevidade, imortalidade, vida, honra, cortesia, amizade, compreensão, lealdade, tranqüilidade, repouso, liberdade. As reações a ela são refrescância, frescor, saudável, confiança, estudo, trabalho.

AZUL – é a mais escura das três primárias e uma cor fria. Significa frio, profundeza, infinito, mistério, inacessível, noite, céu, sublime, solene, superioridade, nobreza, inteligência, raciocínio, tranqüilidade. As reações é de inspirar confiança, comprometimento, tranqüiliza e se usado muito pode se tornar depressiva.

VIOLETA – é a resultante do vermelho com o azul. Significa sabedoria, esoterismo, sobriedade, espiritualidade, ciúme, angústia, melancolia e depressão. As reações remetem a sabores adocicados e perfumes florais, a um ambiente de bosque.

LARANJA – é cor terciária. Significa aurora, mutação, instabilidade, extroversão, calor, luz, outono, pôr-do-sol, euforia, alegria, juventude. As reações passam por excitação, etnia, desperta o apetite, pode se tornar irritante.

BRANCO – é a síntese de todas as cores. Significa nascimento, vida, ressurreição, ausência, vácuo, pureza, virgindade, inocência, verdade, limpeza, espírito, alma, infinito, luz, paz. As reações são relacionadas a pureza, elegância, bom-gosto.

PRETO – é a ausência de luz. Significa profundeza, angustia, mal, caos, trevas, inconsciente, frustração,nobreza, força, seriedade, luxo, sofisticação. As reações associam-na a poder, elegância e alto custo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna