Reflexão 36 - O fluxo do agora

Todos nós já passamos por pelo menos uma crise existencial em nossas vidas, e sabemos que a mudança para melhor começa exatamente no momento em que paramos de lutar; quando permitimos que o fluxo da vida siga e nos permitimos viver o agora deixando que apenas nosso ser interior se manifeste.

Se alguém nos afirmasse que podemos afastar todas as dificuldades e momentos difíceis da vida apenas aprendendo a viver exclusivamente o presente e enxergar os seus problemas atentamente, nós certamente consideraríamos esse alguém vivendo num mundo irreal e que isso é uma grande bobagem. Mas se aprendermos a apenas enxergar nossos problemas sem refletir sobre eles e sem ficar a analisa-los e procurar soluções deixando de interferir, passamos a perceber o impulso da ação através de uma forte intuição.

É diante da mente quieta, não alienada, mas tranqüila e conscientizada diante da realidade do agora que a soluções começam a se processar... e todos os ângulos de cada problema passam a se tornar naturais, reais e passiveis de várias soluções, bastando apenas escolhermos qual delas é a melhor para o nosso agora.

Quando eliminamos o conflito interno, quando o fluxo da vida corre serenamente no nosso interior e o deixamos fluir também em todo o nosso ser, encontramos a plenitude e sabedoria da vida: a segurança e a certeza de que todas as respostas estão em nosso interior, bastando-nos apenas aprendermos a fazer as perguntas corretas e ouvirmos nosso eu interior.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna