Emergências emocionais

Segundo Virgilio Vasconcelos, quando os processos emocionais estão em andamento, podemos fazer a transição para um estado melhor rapidamente utilizando ações simples e fáceis como as a seguir, e se as realizarmos em facilidade é porque estamos com o referido item sob controle:

Para testar o controle motor, vamos encostar a ponta de dois dedos, um da cada mão que podem ser os mesmos ou distintos (ex: indicador/indicador ou mínimo/indicador) como quisermos; depois vamos afastá-los cerca de trinta centímetros e, de olhos fechados, tentar aproximá-los novamente. Façamos três vezes.

Imaginação - imaginemos uma paisagem natural (sem interferência humana) e a visualizemos com os olhos fechados. A idéia é conseguirmos colocar em nossa mente e em nosso interior aquilo que escolhermos, sem dispersarmos o pensamento.

Atenção - prestemos atenção aos canais sensoriais - visão, audição, sensação corporal, um de cada vez; se conseguirmos notá-los e individualizarmos e identificarmos claramente cada um deles separando cada canal específico dos demais por um momento apenas, já é um bom resultado.

Estratégias - observar detalhadamente o ambiente externo e tentar gravá-lo na memória, estaremos nos ligando só ao presente; quando estivermos usufruindo de pequenos prazeres como o sorvete preferido, a fruta, o suco, se nos concentrarmos na sensação, no gosto, é importante; podemos exercitar crença ao buscarmos solução para aquilo que julgamos insolúvel e vamos direcionar a nossa mente para isso; vamos praticar brainstorm pegando um papel e escrevendo tudo que nos vem a cabeça e depois rasgando e colocando o papel no lixo - isso é um importante exercício de expressão.

E para fianalizar, vamos integrar o lado direito do cérebro com o lado esquerdo do mesmo: de pé, vamos levantar o joelho direito e tocá-lo com a palma da mão esquerda e depois fazer o mesmo com a outra perna e braço - comece vagarosamente e depois aumente a velocidade pouco a pouco.

São pequenas coisas para autoconhecimento e autocontrole que nos ajudam a mudar ou, pelo menos nos conscientizarmos e retornarmos ao nosso equilíbrio emocional quando em situação de emergência onde as emoções se atribulam e nos levam a perder a noção de nós mesmos.

Um comentário:

  1. Olá quero agradecer sua gentileza em visitar-me e comentar, fico muito honrado. Parabéns por tão belo trabalho, gostei tanto que já estou lhe seguido. Sua publicação está excelente e comovente, maravilha! Sucesso, fique com Deus.
    Nos encontraremos por aqui.
    Valdemir Reis

    ResponderExcluir

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna