Vida...sou eu




Por que me fizeste assim?
Caco, vidro, louça quebrada...
Não me viveste, enfim,
não me fizeste amada!
No entanto, era tão fácil me viver,
tão simples me acolher...
Não me deixes ir sem me conhecer...
Sou aquela que te faz rir,
que de amor te faz renascer,
que te acorda ao amanhecer
e que teu sofrer te leva a esquecer...
Anda, me faz querida...
Pois esta sou eu, a vida!

3 comentários:

  1. ke lindas sua poesias...Parabens.
    si puder e desejar esteja sempre a vontade pra deixar uma em minha pagina..pois seras sempre bem vinda afinal eu sou uma eterna apaixonada por poesias poemas...Parabéns .

    ResponderExcluir

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna