Olhos




Andando em passos sombrios,
em silêncios prenhes de dor;
em meio a ventos frios,
encontrei seus olhos de amor!
Banahado em imensa emoção,
Sincero, puro, envolvente,
como olhos em ascensão...
Então, em passos de nuvens,
em estrelas saltitei...
e em seus olhos, impune,
em anjo de luz me tornei!


4 comentários:

  1. Mas um beijo às vezes
    Faz parar o tempo em seu desvario
    Arranca mil sentires à alma
    Voa no celeste preso em terno fio

    Liberta esta lava incandescente
    Transbordante em teu peito palpitante
    Dá-te as asas de um pássaro azul
    Transforma o eterno em sublime instante



    Bom domingo


    Doce beijo

    ResponderExcluir
  2. amiga!!!

    Você que é um anjo de..... luz.
    Lindo♥ como os demais.Boa semana
    bjs Eu,Bro e Car

    ResponderExcluir
  3. Minha querida Miluz, estou inaugurando minha galeria de selos e oferecendo um monte de presentes, entra lá e escolha o que você quiser, bjs e boa semana siga o link:
    http://galeriadopoeta.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Como sempre, lindo o poema. Parabéns Mirna por explorar tão bem esse dom oferecido por Deus.


    Abraços.

    ResponderExcluir

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna