SOLIDÃO


Solidão de rostos vazios...
que andam juntos na multidão;
Solidão que dá tanto frio...
e que fecha o coração!
Solidão sem nome, sem face;
é um fantasma, somente,
que nasce, morre...e renasce
de forma tão insistente!
Solidão que nasce na alma
e inunda tudo...assim...
e sobre a vida se espalma
como uma estrada sem fim!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna