SUTILEZA


Em tão ágil leveza
deixa-se pelo vento tomar...
e joga-se, languida natureza,
em sinuoso e aprazível andar...
Uma folha da árvore caída, apenas,
trazendo toda a sutileza
de uma entrega total e serena,
que, assim, em inocente beleza,
respalda a confiança plena
de quem crê acima de tudo
e nunca deixa o medo vencer
e nem impede a força de ser...
Pequena e frágil... contudo,
poderosa em seu apelo mudo;
eloquente no ensinar a viver.

4 comentários:

  1. Minha Amiga

    Dia 12 é o dia dos namorados, então em comemoração deixo aqui minha marca, bjs e felicidades sempre!

    AMOR CÓSMICO

    Seu corpo assim, junto ao meu
    um idílio de conveniências,
    enigma repleto de emoções.

    Duas naves movidas a cinestesia
    através de outras dimensões,
    muito além da simples anatomia.

    Rumamos à galáxia do estro,
    nessa deliciosa jornada esotérica
    um amor em cósmico manifesto.

    Valter Montani

    ResponderExcluir
  2. Belo soneto. Parabéns!

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  3. MIrna!

    Vim ver seus lindos blogs e apresentar meu novo,na qual a convido ,para co-autora.

    http://bronyelux.blogspot.com

    bjus

    ResponderExcluir
  4. a vida é a nossa grande possibilidade nesse infinito!

    até

    ResponderExcluir

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna