ORVALHO


Nas pétalas aveludadas,
a rosa docemente guardou
todas as delicadas
lágrimas que a noite chorou!
Tantos escuros segredos...
tantas lembranças de luar;
estrelas em inocentes brinquedos;
nuvens a cavalgar...
E a tudo a noite viu
e nunca ousou falar...
Tanta solidão a cingiu
e de dor a faz chorar!

3 comentários:

  1. Lindo lindo lindo ,como vc.
    bjus
    nosso
    Bronye & Mamys

    ResponderExcluir
  2. Nos teus olhos nocturnos
    oiço Chopin,
    Num concerto de pétalas
    aveludadas...
    um doce prelúdio
    que não vou esquecer
    para reter para sempre
    tão doce prazer!

    Beijossss
    AL

    ResponderExcluir
  3. Pura candura!
    Rosas, essas flores misteriosas e doces...

    ResponderExcluir

Fico feliz por você deixar sua opinião - ela é muito importante para mim!
Muita luz e amor
mirna